Deputados pressionam órgãos de fiscalização sobre possíveis riscos do projeto de mineração no Serro

O nosso mandato tem acompanhado de perto a discussão sobre o projeto de mineração (Projeto Serro), conduzido pela empresa Herculano Mineração, na histórica e turística cidade de Serro, no Alto Jequitinhonha. A proposta representa uma grave ameaça à segurança hídrica da população, ao patrimônio histórico e ambiental da região e acentua os riscos de explosões no processo de escavação da mina, podendo gerar impactos irreparáveis tanto à saúde dos moradores quanto às localidades da região. 

A fim de contribuir com esta luta, o deputado estadual Dr. Jean Freire, que visitou a região no mês de fevereiro, assinou, junto a outros parlamentares, uma série de requerimentos com pedidos de providências e informações, com intuito de que os órgãos públicos se atentem, o mais depressa possível, para os riscos do projeto. Nos requerimentos, os parlamentares solicitam que organizações como a Fundação Cultural Palmares (FCP), Instituto Estadual de Florestas (IEF) e o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha) realizem os estudos e as intervenções que forem necessárias. 

Apesar de o projeto apresentar uma série de irregularidades, o município assinou, no início do ano, a Declaração de Conformidade, que permite que a empresa responsável continue a executá-lo. A decisão tomada pela prefeitura, além de contrariar as recomendações do Ministério Público do Serro, também vai de encontro à opinião de diversos moradores do lugar, especialistas e movimentos ambientais que tentam impedir o avanço do projeto.

Para Dr. Jean, contrariar a vontade da população e as análises de especialistas ambientais da área é, não somente, uma falta de respeito com o povo, mas com toda a trajetória histórica, social, política e cultural da região. “O grande medo da população é a contaminação ou até mesmo a falta d’água como consequência da mineração na região. Eles chegam sempre assim, prometendo emprego e desenvolvimento para a população, mas sabemos que não é isso que acontece. Tratam a população com total desrespeito” afirmou o deputado. 

Veja os requerimentos abaixo:

Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s